Campanha #SpohrNoCovil

Caros e caras ouvintes, o Covil está com a campanha #SpohrNoCovil. Queremos trazer novamente o Eduardo Spohr pra gravar um Covil de Livros conosco, mas gostaríamos de fazer isso com a participação de vocês!!!

Se você tem alguma curiosidade ou dúvida sobre sobre a quadrilogia A Batalha do Apocalipse/Os Filhos do Éden, mande para nós que vamos gravar um programa com o Spohr respondendo! Não é demais?

Envie suas perguntas por um desses canais:

  • Twitter com a hastag #spohrnocovil
  • Nos comentários dessa postagem
  • No e-mail covildelivros@covilgeek.com.br

E vamos continuar discutindo essa saga épica da fantasia nacional!





  • Caroline Santos

    #SpohrnoCovil Como está o andamento do livro ilustrado? (Sei que já fizeram essa pergunta várias vezes, inclusive na vez em que vc veio para Manaus, mas tô curiosa e quero logo :p)

  • Cathy Evaristo

    Dudu, chamo assim porque depois de quatro livros já me sinto íntima, quero saber da relação do Daniel com a Rachel, existe algo entre eles, algum romance? Quando veremos a Shamira e o Ablon de novo?

  • Rodrigo Beiriz

    Filhos do Éden, o seriado? é possível esperar um lançamento algum dia? (se não, porque?)
    Rodrigo Beiriz, Aracaju-SE.

  • Ricardo Marchesi Primo

    Olá, no terceiro livro, quando Denyel já está no Hades, tive a impressão que ele e Ablon eram a mesma pessoa, já que em certo momento do livro Ablon deixa de ser mencionado. No trecho, parece que é mencionado sobre a luta dele no passado contra o deus primordial no deserto, mas quem lutou no deserto foi Ablon e não Denyel. Eles são a mesma pessoa? Se não, para onde foi Ablon quando deixou de ser mencionado no livro? Parabéns ao Eduardo por essa história épica.

  • Paulo Artur

    Você pretende escrever livros fora do Universo de “A Batalha do Apocalipse” ou mesmo tem planos de escrever livros em outros gêneros, além da fantasia?
    Paulo Artur, Fortaleza-CE

  • Frederico

    Estou lendo A Batalha do Apocalipse e vi que você colocou Samael como braço direito de lúcifer porem acho que isso e um equivoco pois Samael foi o nome dado por Deus a Lúcifer antes de sua ruína você, poderia me explicar se isso passou despercebido ou eu que estou equivocado ???
    Frederico, Matheus-Go

  • Axel Ordnas

    Cogitaria escrever uma nova série (ou apenas um livro) focando na Kaira e no Urakin em Asgard? E parabéns por fazer o Urakin perder o cabaço celestial kkkk

    Alex, Natal – RN

  • Guilherme Dantas

    Qual foi a inspiração para a criação da divisão dos céus e dos infernos? A divina comédia? Ou alguma outra grande obra? E como foi a criação da hierarquia dos anjos e demônios?

  • Isabelle Fernandes

    Há alguma dica que você queira dar para alguém que está tentando iniciar um livro? E como conseguiu deixar o Levih tão adorável? Haha. Grande abraço.

  • João

    Spohr, tem uma coisa que eu queria que fosse detalhada: Na Terra 2 (hahaha) o que aconteceu para o futuro fosse tão drasticamente alterado? Eu sei que Ablon manteve sua memória, eu queria saber como aconteceu o conflito celestial, o que Ablon fez tendo parte nele, etc.
    Estou começando a ler Filhos do Éden, e também queria saber se o universo é do mundo depois da Batalha do Apocalipse ou antes, abraços!
    João, Rio de Janeiro – RJ

  • Marcos Vinicius

    Pode fazer pergunta com spoiler?

    • Rodrigo Basso

      Pode sim, só coloca um alerta de spoiler antes.

  • Marcos Vinicius

    Alerta de spoiler galera

    O Ablon venceu o Metraton, e venceu Miguel, praticamente os dois últimos degraus da hierarquia angelica. Por que então o Apolyon – outro querubin – foi o último é maior desafio ao Ablon?

    Ia fazer essa pergunta pessoalmente ao Dudu na bienal de 2014 em sampa, mas fiquei tão nervoso na hr q esqueci.

    Ps: Denyel eh mt mais interessante que qualquer outro personagem do spohr verso

  • Eduardo, Você sempre tem os roteiros dos seus livros planejados e escritos antes mesmo de começar a escrita propriamente dita. Já ouvi de muitos escritores e até já passei por isso nas minhas tentativas de escrita na situação de planejar uma cena, mas na hora da escrita sentir que algum personagem agiria de forma diferente da planejada. Como eu apenas esboço um roteiro, deixo o personagem ir e depois adapto as consequências das mudanças no decorrer da história, mas para você que tem tudo planejado. Isso chega a acontecer? E se sim, como você trabalha o roteiro já elaborado? Você reescreve ou deixa do mesmo jeito?